English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

CASOS FAMOSOS DE POSSESSÃO

Olá leitores do QUERO MEDO, aproveitando a postagem do J sobre um caso demoníaco em RS (postagem AQUI), eu vou trazer casos famosos de possessão.



Roland Roe (ou Robbie Manheim): Roland era um garoto comum, tinha descendência alemã e tinha uma vida normal, até que por volta do ano de 1949 tudo mudou. Ele tinha uma tia que era espírita, ele "jogava" com ele o famoso tabuleiro de Ouija. Aos 13 anos essa tal tia faleceu e então tudo começou.

Fatos sobrenaturais se iniciaram, começou com arranhões nas portas, passos, batidas e se não era o bastante o pobre garoto acordava de madrugada sentindo sua cama sendo sacudida violentamente. A família da criança percebeu que ele estava obcecado pelo tabuleiro que sua tia deu para ele, então achando estarem sendo assombrados pelo espírito da mulher chamaram um padre para ajudar-los, porém quando as entidades religiosas chegaram a casa algo muito estranho ocorreu, Roland começou a dizer palavras em uma língua desconhecida que um dos padres reconheceu, ele dizia que era Hebreu. Se isso ainda não fosse ruim o bastante o garoto começou a agir de forma mais estranha ao passar dos dias e a família várias vezes tentaram se comunicar com a tia do menino em sessões com o tabuleiro.

Um dia a mãe do garoto perguntou "Tillie (apelido de sua irmã) se é você bata trez vezes" após alguns instantes três batidas foram ouvidas, então ela continuou: "Tillie se é você mesmo bata quatro vezes" e novamente ela foi respondida corretamente. Antes do exorcismo ser aprovado casos macabros aconteceram com todos em volta de Roland, como por exemplo um dia marca de garras foram encontradas na parte de baixo de seu colchão, e uma vez ao ir a escola uma carteira flutuou em círculos em volta do menino, sua professora e diversos amigos de escola presenciaram aquilo. Então a família chegou a conclusão de que não era sua tia Harriet que os assombrava. E não parou por ai, um reverendo foi analisar o caso e Roland dormiu em sua casa onde vozes estranhas foram ouvidas, arranhões nas paredes, a cama vibrando e na frente da entidade religiosa arranhões foram feitos no corpo do garoto de repente.

O exorcismo foi iniciado e tudo ficou mais bizarro e insano, o garoto cuspia certeiramente no padre exorcista mesmo estando amarrado - isso afirma a tese de que o filme "O Exorcista" foi baseado nesse caso, esse filme que também tem outros caos sobrenaturais ligados a ele, relembre AQUI. Na primeira sessão o garoto se soltou das amarras arrancou uma mola da cama e acertou o braço do padre. As outras sessões foram bem piores, ele dizia muitos palavrões em latim e o exorcismo durou cerca de dias, sendo que o garoto só ficava violente desta forma com o padre exorcista no mesmo local que ele. Tudo acabou quando em uma sessão em que o garoto se contorcia todo ele de repente sentou-se e disse em nome do Arcanjo Miguel que o demônio saísse do corpo de Roland, então ele voltou a se contorcer e quando levantou voltou a falar com sua voz normal dizendo que a única coisa que se lembrava era uma visão com um homem chamado Miguel que segurava uma espada de fogo.

Anna Ecklund: A menina de 14 anos foi passar férias na casa de uma tia - por que sempre é uma tia? - e a mulher tinha suspeita de praticar bruxaria, a garota supostamente fez parte de uma ceita demoníaca e que depois disso a família passou a perceber que ela tinha medo de objetos e evitava locais religiosos, ela também passou a usar uma linguagem imprópria e sempre falava coisas obscenas e sujas, ela também ficou agressiva e falou em outra língua que era desconhecida. Líderes religiosos acreditavam que ela estava possuída por mais de uma entidade maligna, sendo que também podiam haver espíritos de familiares da garota já mortos, um exorcismo ocorreu e a garota foi salva.

Eu sempre brinco vendo filmes de terror sobre o assunto que se alguém que eu conheço for possuído eu nunca mais vou confiar na pessoa, nesse caso eu teria razão, cerca de 6 anos depois a garota já com 20 anos voltou a ser possuída, senda o comportamento apresentando os mesmos de anos atrás. O segundo exorcismo durou 23 dias sendo eles bem macabros e violentos.

Anelliese Michel: Ana era de uma família religiosa, e com menos de 17 anos ele deu a luz a uma criança. Para pagar ela precisou dormir em pedras para pagar seus pecados, e num dia enquanto orava ele ouviu vozes dizendo que ela era maldita e iria apodrecer no inferno, a família de cara pediu ajuda através de um exorcismo que foi negado, então tudo piorou, ela ficou violenta e comia coisas como aranhas e insetos em geral, fora que chegou a beber a própria urina.

Um padre disse que ela estava possuída por 6 fortes entidades demoníacas, entre elas Lúcifer e Adolf Hitler. O exorcismo foi cruel, durou cerca de meses e no fim das contas a garota morreu. Esse caso inspirou o filme "O Exorcismo de Emily Rose". Abaixo vai o áudio de uma das sessões do exorcismo da garota.




Muitos diziam que ela sofria de uma doença mental, mas de relatos de exorcismos que ouvi me contaram que as vozes são bem típicas de possessão demoníaca. Eu acredito sim nisso, e relevando o primeiro caso hoje em dias as pessoas falam em fazer a brincadeira do compasso/copo/ouija mas na realidade esse tipo e coisa é algo muito maior, e nesses casos são as entidades que brincam conosco.

5 comentários:

  1. "Um padre disse que ela estava possuída por 6 fortes entidades demoníacas, entre elas Lúcifer e Adolf Hitler." UAAAAL

    Esse caso do garoto é o mais cabuloso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Admito que dessa parte eu desacreditei, mas quem sou eu para contestar a palavra de um padre? Realmente imagina a força destas entidades...foi macabro.

      Excluir
  2. Um assunto que nunca faltará em sites de terror!

    ResponderExcluir